Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/12/15 às 18h35 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

Agência do Trabalhador para Pessoas com Deficiência começa a funcionar nesta tarde (3)

COMPARTILHAR

Inaugurada de manhã, unidade oferecerá serviços como encaminhamento profissional, emissão de carteira de trabalho e acesso a seguro-desemprego


Nesta quinta-feira (3), data em que é comemorado o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, a população de Brasília ganhou uma Agência do Trabalhador exclusiva para pessoas com deficiência. O espaço funcionará de segunda a sexta, das 8 às 18 horas, na estação de metrô da 112 Sul. O atendimento começa às 14 horas de hoje.

Durante a solenidade de inauguração, o secretário-adjunto do Trabalho, da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Thiago Jarjour, destacou que em Brasília há demanda de emprego para esse público. “Apenas hoje temos 292 vagas ofertadas, e esse número tende a crescer cada vez mais.”

No local haverá serviços de encaminhamento e qualificação profissional, emissão de carteira de trabalho, acesso a seguro-desemprego e informações sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Em outras salas da estação de metrô, funciona a Coordenação de Promoção de Direitos de Pessoas com Deficiência, que oferece atendimento de intérprete de libras, cadastro para o benefício do passe livre, entrega de órteses e próteses e cadastro para o programa habitacional Morar Bem, da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab).

A equipe da coordenação vai apoiar o trabalho da agência. “Além do atendimento qualificado, pretendemos também ensinar as pessoas a atender as pessoas com deficiência”, disse Paulo Beck, coordenador de Promoção de Direitos de Pessoas com Deficiência.

Estavam presentes também no evento de hoje o secretário do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Joe Valle; o subsecretário de Atendimento ao Trabalho e Empregador, Antônio Vieira; a colaboradora do governo Márcia Rollemberg; e o diretor-presidente da Companhia do Metropolitano (Metrô), Marcelo Dourado.

Funcionamento
A equipe da Agência do Trabalhador para Pessoas com Deficiência terá 25 pessoas, seis delas no atendimento do balcão. Para a abertura do local, foram investidos R$ 12 mil em serviços como pintura da sala, adaptação dos banheiros e reformas gerais. O recurso veio do contrato de manutenção predial das agências do trabalhador. As mesas, os balcões e os equipamentos eletrônicos e de informática foram realocados de outros setores da secretaria.

Saiba mais