Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/05/14 às 21h53 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

Aplicativo de celular contra violência à mulher

COMPARTILHAR

Secretária Valesca Leão participou do lançamento da campanha “Eu Ligo” 

eleBrasília (22/05/2014) – A secretária da Mulher do DF, Valesca Leão, participou nesta quinta (22), no Centro Cultural Banco do Brasil, do lançamento da campanha “Eu Ligo”, que tem como destaque o aplicativo para celular “Disque 180”. Pelo aplicativo, qualquer pessoa pode denunciar casos de violência contra a mulher. A iniciativa é da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR).

Durante o evento, a ministra da SPM-PR, Eleonora Menicucci, antes mesmo de falar sobre a campanha, fez questão de destacar a presença da secretária Valesca e as políticas de gênero que vêm sendo adotadas no DF. “A Secretaria da Mulher do DF é uma referência para o Brasil no combate à violência contra a mulher”, afirmou.

A secretária adjunta de Enfrentamento à Violência contra a Mulher da SPM-PR, Rosângela Rigo, disse que a campanha “Eu Ligo” teve forte inspiração na campanha contra o assédio sexual nos ônibus, lançada em março pela Secretaria da Mulher do DF.

Para Valesca, todo esse reconhecimento demonstra a capacidade de inovação e influência do GDF na área de atendimento às mulheres. “Essa afirmação da secretária adjunta mostra que o GDF inova quando o assunto é o enfrentamento à violência doméstica. Estamos no caminho certo”, ressaltou a secretária.

Ainda segundo ela, o lançamento do aplicativo “Disque 180” e da campanha “Eu Ligo” mostra que as políticas públicas para a mulher vêm crescendo e são uma mostra do investimento que o governo faz para combater a violência doméstica, ainda mais às vésperas da Copa quando o país mostrará para o mundo que está engajado nessa luta.

Atrizes – A campanha “Eu ligo” é protagonizada pelas atrizes Sheron Menezes, que viveu as personagens Keila na novela “Além do Horizonte” e Iara em “Celebridade”, e Luana Piovanni, que interpretou Amanda no filme Mulher Invisível e também já foi vítima de violência.

O evento de lançamento contou ainda com a presença do ministro das Cidades, Gilberto Occhi, do Ministro do Turismo, Vinícius Lages, e de representante da ONU Mulheres, instituições parceiras no projeto, que tem ainda o apoio do GDF.

No seu discurso, Gilberto Occhi disse que o empoderamento da mulher é fundamental para a extinção da violência e defendeu as campanhas “Eu ligo” e a contra o assédio sexual nos ônibus. “Nós ligamos para a violência contra a mulher e queremos que o cidadão também ligue”, acrescentou ele.

Casa da Mulher Brasileira – Ainda durante o evento, a ministra Eleonora Menicucci confirmou que as obras da Casa da Mulher Brasileira, que vai reunir num só local todos os serviços de atendimento às vítimas de violência, começam no próximo dia 6 no Distrito Federal e em outros dois estados.

Serviço:

Para saber mais sobre o aplicativo, clique aqui.


Ascom SEM-DF
3961-1782 e 9272-9702