Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/10/17 às 14h51 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

CDPDDH elege Márcia de Alencar como vice-presidente

COMPARTILHAR

 

Em votação realizada na tarde de hoje (6), durante a 95º Reunião Ordinária do CDPDDH, no Anexo do Palácio do Buriti, foi eleita a nova vice-presidente do Conselho Distrital de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos, Márcia de Alencar, secretária adjunta de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, como representante do poder público.

 

Com 16 membros presentes a escolha foi por aclamação e unanimidade. Márcia, em discurso, afirmou que o que pode oferecer ao Conselho é o seu trabalho e a sua militância desde 1990, sempre atuou na prevenção e na defesa dos direitos. Considerada, uma pacifista, à frente da Secretaria de Segurança Pública e Paz Social, lutou pela aproximação das polícias com os movimentos sociais e a qualidade com a comunidade. Segurança com Cidadania foram as suas principais bandeiras.

 

Márcia substitui Coracy Chavante, ex-subsecretário de Direitos Humanos, eleito na V Conferência Distrital de Direitos Humanos para um mandato de dois anos, cuja gestão vai até abril de 2018. O Conselho é composto por 32 membros, sendo 16 representantes da sociedade civil e 16 do governo.

 

Após a votação, a reunião prosseguiu com as seguintes pautas: apresentação de informes, do relatório de acompanhamento da execução orçamentária do Programa Direitos Humanos e Cidadania; distribuição dos processos recebidos pela Secretaria-Executiva do CDPDDH e apresentação dos pareceres concernentes aos processos distribuídos axs Conselheirxs e a composição das Comissões Temáticas.

 

O CDPDDH possui um papel preponderante no aprimoramento, implementação e fortalecimento dos direitos humanos no Distrito Federal, por meio da busca permanente de ações conjuntas entre Estado e sociedade Civil.

 

Por: Camila Piacesi