Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/09/13 às 19h41 - Atualizado em 29/10/18 às 11h13

Em videoconferência nacional, secretária destaca modelo de gestão do DF

COMPARTILHAR

Evento, promovido pelo governo federal, reuniu gestoras de vários estados do País

Interna

“Mesmo quando realizamos ações na área social, na área de qualificação profissional, de saúde, estamos reforçando o enfrentamento da violência contra a mulher. Uma coisa remete à outra”, afirmou a secretária da Mulher do Distrito Federal, Olgamir Amancia, durante a videoconferência realizada nesta sexta (20). A iniciativa, da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), do Governo Federal, reuniu gestoras de vários estados e teve o objetivo de trocar experiência sobre as políticas públicas de gênero desenvolvidas localmente no País.

Ao falar sobre as diretrizes de sua gestão à frente Secretaria da Mulher do DF, Olgamir disse que a grande preocupação é desenvolver uma política intersetorial e transversal, inserindo a questão de gênero nos vários setores do governo. Ela citou como exemplo acordo feito com a Secretaria de Administração, que incluiu no curso de treinamento dos servidores do DF um módulo sobre os direitos da mulher.

Ela afirmou ainda que mantém uma relação muito estreita com a Secretaria de Segurança, o que tem aprimorado, em muito, o trabalho de atendimento na Delegacia da Mulher. “Nos nossos encontros com as mulheres vínhamos recebendo muitas reclamações sobre o atendimento por parte dos policiais. Repassamos esses dados para a Polícia Civil. A partir daí, o atendimento melhorou muito, segundo relatos que nos foram passados”, acrescentou a secretária.

A videoconferência foi ancorada em Brasília, na sede do Incra, pela secretária Adjunta de Articulação Institucional e Ações Temáticas da SPM, Angela Fontes. Participaram dos debates, que ocorreram no período da tarde, gestores de secretarias de Mulheres dos estados de Alagoas, Paraíba, Goiás, Amazonas e Rio Grande do Sul, entre outros. A recém-empossada subsecretaria de Enfrentamento da Violência contra a Mulher do DF, Silvania Timoteo, também acompanhou as discussões.

Ascom SEMDF
3961-1782