Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/06/19 às 16h39 - Atualizado em 27/04/20 às 16h40

GDF assina acordo para capacitação de mulheres

COMPARTILHAR

A Secretaria da Mulher do Distrito Federal assinou o acordo de parceria entre a Rede Mulher Empreendedora (RME) e o Governo do Distrito Federal (GDF). “É uma demanda urgente – a busca por emprego – e a RME oferece o que há de melhor no Brasil no que diz respeito à pauta do empreendedorismo feminino”, comentou a secretária Ericka Filippelli. 

 

A ação foi possível porque, em 8 de março deste ano, o governador Ibaneis Rocha instituiu, por meio do Decreto nº 39.705, a Rede Sou Mais Mulher, uma articulação entre organizações públicas e privadas e que promove ações voltadas para a promoção de igualdade entre mulheres e homens, o empreendedorismo e a autonomia econômica das mulheres. A finalidade da rede é estimular ações que promovam a igualdade entre mulheres e homens, de modo a proporcionar a dignidade e a autonomia da mulher, além de contribuir para o desenvolvimento econômico do Distrito Federal.

 

A adesão da RME é relevante para o GDF e para a Secretaria da Mulher pelo que a instituição representa. A Rede Mulher Empreendedora é a primeira e maior plataforma de apoio ao empreendedorismo feminino do Brasil, com o propósito de apoiar empreendedoras economicamente, garantindo independência financeira de decisão sobre seus negócios e suas vidas. A parceria tem potencial na vida das mulheres do DF e o começo se dará por meio do Curso Ela Pode, que é uma iniciativa do Instituto RME com o apoio do Google.

 

As capacitações no Distrito Federal serão realizadas no Espaço Empreende Mais Mulher, na Agência do Trabalhador, em Taguatinga. Elas serão oferecidas gratuitamente para mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica e deverão ser abordados temas para os desafios mais comuns na área do empreendedorismo e empregabilidade, tais como: comunicação, liderança, negociação, finanças, networking, marca pessoal e ferramentas digitais.

 

Exemplos

Ana Fontes, presidente da RME, disse que é  importante expandir o programa Ela Pode. “Ter o Distrito Federal junto com a gente, por intermédio da Secretaria da Mulher, levando o empoderamento de mulheres empreendedoras e garantindo a independência financeira, é extremamente relevante”. Ana Fontes foi finalista do programa Women Change Makers da Womanity e do Prêmio Claudia, além de ter recebido outros ligados ao empreendedorismo feminino.

 

A Rede Mulher Empreendedora alcança 500 mil mulheres em todo o Brasil e será implementada no DF ainda neste semestre. “O governador Ibaneis Rocha tem orientado os seus secretários a buscarem os melhores exemplos de políticas públicas e parcerias para implementarmos no Distrito Federal. A partir de hoje a Rede Mulher Empreendedora, que é uma referência internacional, trabalhará junto à Secretaria da Mulher auxiliando na capacitação de mulheres em vulnerabilidade socioeconômica”, analisa a secretária Ericka Filippelli.

 

*Débora Cruz, com edição da Agência Brasília