Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/08/15 às 16h14 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

Justiça Comunitária participará da Caravana da Juventude Negra em Ceilândia

COMPARTILHAR

Órgãos unem forças para combater a visão depreciativa do jovem da periferia

Em reunião realizada nesta quarta, dia 25 de agosto, a Secretaria de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (Semidh), por meio de sua Secretaria Adjunta de Políticas para a Igualdade Racial (SIR), e representantes do Programa Justiça Comunitária (PJC) – iniciativa de ação comunitária do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) – definiram a realização de atividade conjunta na Caravana da Juventude Negra, em Ceilândia, entre 07/9 e 12/9.

No dia 12, os agentes comunitários do PJC levarão para o palco da Caravana um esquete teatral já experimentado nos Bonezaços, manifestações realizadas em janeiro, março e junho para combater a visão social depreciativa acerca dos jovens da periferia, majoritariamente negros, reprimidos por usarem bonés como símbolo de origem, identificação e orgulho.

A supervisora do PJC Gisele Ramos e a também integrante da equipe Janine Oliveira estiveram na Semidh para articular uma atividade comum. “A parceria pode começar na própria divulgação”, disse Gisele.

Segundo elas, os contatos e a inserção dos agentes comunitários do PJC na rede local de movimentos sociais ajudarão a divulgar a Caravana, que ficará em Ceilândia entre 07/9 e 12/09, após passar pelo Itapoã, entre 31/8 e 05/9.

Em amadurecimento – Gisele e Janine expuseram as linhas da atuação do PJC, voltada para a educação para os direitos, o exercício da mediação comunitária e a animação de redes sociais. Conhecedora do projeto desde o início, a secretária adjunta Vera Lúcia Santana Araújo acompanhou a visita da juíza Gláucia Foley, coordenadora do PJC, para conhecer a Caravana, dia 14/8, no Varjão.

De acordo com a secretária-adjunta Vera Araújo, a perspectiva de trabalho mais a longo prazo, com ajuste e aprofundamento conceitual para articular a expertise do Programa Justiça Comunitária em mediação e a temática do combate ao racismo, inerente ao trabalho da Semidh/SIR, ainda amadurece.

A Praça da Bíblia, lugar em escolhido para a Caravana em Ceilândia, situa-se num ponto estratégico, próximo ao Sol Nascente, destacou o coordenador de Políticas da Igualdade Racial da Semidh, Victor Nunes. Ele compareceu à reunião juntamente com o gerente de comunidades tradicionais, Murilo Mangabeira, que tem acompanhado o deslocamento da Caravana.