Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/01/16 às 16h09 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

Lançamento de delegacia e revitalização da Prainha marcam o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa

COMPARTILHAR

21-01-2016


A Secretaria de Estado de Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos participou do Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, quando o governo de Brasília lançou a Delegacia Especial de Repressão aos Crimes de Discriminação Racial, Religiosa, Orientação Sexual ou contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência e assinou Protocolo de Intenções com a Fundação Cultural Palmares para formulação de ações e políticas públicas da cultura afro-brasileira e de promoção da diversidade religiosa, com vistas ao cumprimento de metas do Plano Nacional de Cultura, e a revitalização da Prainha, a Praça dos Orixás, no Lago Paranoá de Brasília.

O evento foi realizado no Salão Banco do Palácio do Buriti para marcar o 21 de janeiro – Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa no Distrito Federal. A data foi criada para valorizar as diversas crenças religiosas.

A data foi instituída pela Lei 11.635, de 2007. Assim, o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa passou a ser um marco legal do direito à crença religiosa, de respeito às religiões, especialmente às de matrizes africanas, que sempre são vítimas de preconceito, vandalismo e criminosos.

Em 1949, a data foi criada na Assembleia Espiritual Nacional com o objetivo de integrar as diversas religiões, sem abrir mão de seus dogmas, mas respeitando as diversas tradições existentes.