Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
14/03/14 às 21h33 - Atualizado em 29/10/18 às 11h13

Secretaria abre consulta pública ao I PDPM

COMPARTILHAR

População poderá conhecer a versão atualizada do documento destinado às mulheres

A Secretaria da Mulher, por meio da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres, tornará disponível à população do DF para consulta pública a proposta do I Plano Distrital de Políticas para as Mulheres, com o objetivo de permitir às pessoas que apresentem sugestões, elogios e críticas sobre ele.

O I PDPM é o instrumento pelo qual a população como um todo pode decidir e avaliar o destino das políticas públicas destinadas às mulheres do Distrito Federal. As contribuições escritas também podem ser feitas online, clicando aqui, até este domingo 16 de março.

Por meio do site, cada uma (um) poderá dar a sua contribuição, ao analisar criticamente as propostas da política destinada às mulheres no DF. O sistema de diálogo aberto também propicia a oportunidade de a gestão conhecer de forma mais aprofundada o que pensa a população. “Assim, vamos possibilitar um diálogo mais ampliado e construir uma política de equidade de gênero que seja espelho dos anseios de todas e todos”, destaca Olgamir Amancia, secretária da Mulher do DF.

Paralelamente, nos dias 18 e 19 de março a versão atualizada do documento estará disponível para consulta pública em evento organizado pela Secretaria da Mulher no auditório da Biblioteca Nacional, sempre das 9h às 13h e das 14h às 18h. O plano prevê ações de qualificação profissional, geração de emprego e renda, educação inclusiva, enfrentamento à violência, acesso à moradia e atendimento à saúde.

Contextualização – Até o momento, para a construção do Plano foram realizadas mais de 30 reuniões com órgãos públicos, quatro reuniões do Grupo de Trabalho (composto por nove Secretarias de Estado e pelo Conselho de Direitos da Mulher do DF) e seis diálogos com a sociedade.

“Com a manifestação do maior número de pessoas, teremos força para ampliar e fortalecer o amplo cenário das políticas públicas destinadas às mulheres. As sugestões dão legitimidade para que sejam feitas alterações”, avalia Sandra Di Croce Patricio, subsecretária de Políticas para as Mulheres.

PROGRAMAÇÃO:

Dia 18/03, das 9h às 13h

– Saúde Integral das Mulheres, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos

– Igualdade para as Mulheres Jovens, Idosas e Mulheres com Deficiência

Dia 18/03, das 14h às 18h

– Enfrentamento de Todas as Formas de Violência contra as Mulheres

– Enfrentamento do Racismo, Sexismo, Lesbofobia e Transfobia

Dia 19/03, das 9h às 13h

– Igualdade no Mundo do Trabalho e Autonomia Econômica

– Desenvolvimento Sustentável com Igualdade Econômica e Social

– Direito à Terra com Igualdade no Campo e no Cerrado

Dia 19/03, das 14h às 18h

– Educação para Igualdade e Cidadania

– Fortalecimento e Participação das Mulheres nos Espaços de Poder e Decisão

– Cultura, Esporte, Comunicação e Mídia

Sobre o I PDPM – Trata-se de um documento que tem como base as diretrizes da 3ª Conferência Distrital de Políticas para as Mulheres e pelo Plano Nacional de Políticas para as Mulheres. O plano também inclui as propostas do Planejamento Integral Básico, que integra o processo de repactuação do Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência Doméstica.

O processo de discussão e construção do documento está sendo feito de forma totalmente aberta, democrática e participativa, com a colaboração dos mais variados segmentos representativos das mulheres do DF, além da população. O documento será um marco na luta pela igualdade de gênero, autonomia e emancipação das mulheres em âmbito local.

ASCOM SEM-DF
3961-1782 / 3425-4779